29 de março de 2013

10 dicas para empreendedores se tornarem bons gestores


Um empreendedor não vai muito longe sozinho. Quando a pequena empresa começa a dar certo, ele precisa de uma equipe para apoiá-lo e fazer o negócio decolar de vez. Por isso, mais do que uma grande ideia, capacidade gerencial e liderança são características essenciais para chegar ao lucro.
Veja as dicas do colunista de Exame.com e especialista em liderança Eduardo Ferraz para quem quer ser um bom gestor e fazer da sua empresa um bom lugar para trabalhar.
1. Saiba resolver conflitos - Para começar, ouça os dois lados quando um conflito surgir. Entender os pontos de vista de cada um e ter uma postura racional evita reações que podem prejudicar o clima na equipe. Discussões ríspidas e muito emocionais devem ser controladas.
2. Retenhas talentos - Fazer um esforço para manter talentos na sua empresa pode ser muito vantajoso. Ofereça segurança e valorize seu ambiente de trabalho, com conforto e horários flexíveis. Além disso, dê chance ao funcionário para aprender e estar perto do núcleo de decisões do negócio.
3. Delegue o operacional - Para se dedicar às decisões importantes da empresa, o dono precisa aprender a descentralizar o comando. Para isso, delegue tarefas operacionais, como atender telefonemas e organizar o estoque. Segundo Ferraz, isso dá tempo para funções mais estratégicas.
4. Treine pessoalmente seus colaboradores - Você quer que as coisas na empresa sejam feitas exatamente como você faria? A saída é treinar pessoalmente os funcionários, dizendo como as tarefas devem ser executadas e estabelecendo padrões e processos bem definidos.
5. Não seja muito informal - Uma empresa pequena costuma criar uma relação mais pessoal entre a equipe. Mas não confunda esta aproximação com informalidade. Não trate clientes, fornecedores e funcionários como se fossem amigos em uma mesa de bar. Demonstrar profissionalismo reforça a credibilidade da marca.
6. Respeite as diferenças - Para um bom ambiente de trabalho, respeitar as diferenças é essencial. “Procure entender como funciona o mapa mental de cada colega e evite discutir assuntos polêmicos, ou seja, aqueles que podem gerar discussões desnecessárias”, diz Ferraz..
7. Assuma seus erros - Melhorar o clima é tarefa do empreendedor. Se você errar, assuma e explique-se. Deixar que boatos e fofocas se espalhem pode gerar distrações e falta de confiança.
8. Celebre as conquistas - Celebrar as conquistas da equipe é dividir com todos os resultados da empresa. Isso contamina positivamente o ambiente. Mesmo realizações menores devem ser compartilhadas em pequenas confraternizações.
9. Incentive o diálogo - Os chefes dispostos a ouvir já estão à frente daqueles que não se preocupam em incentivar o diálogo. Valorize as várias opiniões que surgirem e esteja sempre atento ao bem estar da equipe. Ter um canal de comunicação sempre aberto com os funcionários é primordial.
10. Dê feedbacks produtivos - Seja justo, específico e criterioso na hora de dar feedback para a equipe. O ideal é fazer uma reunião com hora marcada e se preparar. Críticas destrutivas não colaboram com o desenvolvimento de ninguém. Por isso, mantenha uma postura equilibrada e seja sempre sincero.
Fonte: abril.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário