27 de novembro de 2012

Energia da sede administrativa da Cagepa é cortada na PB, diz Energisa


Cagepa explica corte de energia, admite débito, mas vê insensibilidade
A energia elétrica da sede administrativa da Companhia de Águas e Esgotos da Paraíba (Cagepa), localizada no bairro de Jaguaribe em João Pessoa, foi cortada na manhã desta terça-feira (27). De acordo com a concessionária de energia elétrica na Paraíba, a Energisa, o fornecimento foi suspenso devido a um débito que permanecia em aberto desde o dia 30 de outubro deste ano.

Ainda segundo a Energisa, foi feita uma notificação via carta e dois contatos diretos com a companhia antes do corte, sendo um antes e outro após o vencimento, conforme o a resolução 414 da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

A assessoria de imprensa da Cagepa explicou que a conta vencida era do valor de R$ 4 milhões. Após 27 dias do vencimento, a energia da sede administrativa da Cagepa foi cortada por aproximadamente 40 minutos, sendo religada por volta das 11h30 desta terça, de acordo com a assessoria da companhia. Ainda segundo a Cagepa, no momento da interrupção a diretoria da companhia de água entrou em contato com a diretoria da Energisa para negociar o débito.

A Energisa, por meio de sua assessoria, informou que até as 11h40 desta terça-feira não constava no sistema que o débito havia sido quitado. A concessionária de energia elétrica também não confirmou a informação de que o fornecimento tinha sido restabelecido. Conforme a assessoria da Energisa, uma equipe seria enviada até a sede administrativa da Cagepa para confirmar a religação.

Fonte: G1 PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário