27 de julho de 2012

Professores da UFPB seguem decisão nacional e mantêm greve


Em assembleia na manhã desta quinta-feira (26) em João Pessoa, a ampla maioria dos professores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) resolveu rejeitar a proposta do Governo Federal e dar continuidade à greve, segundo informou a assessoria do Sindicato dos Docentes da Universidade Federal da Paraíba (AdufPB). Os docentes da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) devem votar se a paralisação na instituição será mantida na manhã desta sexta (27).

A decisão dos professores da UFPB segue a recomendação do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes). A paralisação das atividades docentes na instituição acontece desde 17 de maio, deixando cerca de 42 mil alunos sem aulas. Já na UFCG, são aproximadamente 20 mil estudantes prejudicados há mais de dois meses.

Segundo a assessoria da Aduf
PB, essa segunda proposta, feita por representantes dos Ministérios da Educação e do Planejamento na terça-feira (24), é “mais ou menos a mesma coisa” que anterior e não contempla as principais reivindicações da categoria, sendo que a mais importante é a reestruturação da carreira.

Fonte: G1 Paraiba

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário