23 de maio de 2012

A Democracia interna nos partidos



Essa semana na coluna de política trataremos de um tema que é um dos mais lesivos a nossa democracia: a falta de democracia nos nossos partidos políticos.

Quando vejo o show de democracia dado pelos partidos políticos dos Estados Unidos, chega a me dar um desgosto quando lembro como os partidos políticos são democráticos em nosso país. Queria deixar claro que não sou “amante” dos Estados Unidos, só acho que boas práticas sejam de onde for tem que ser copiadas.

Nos Estados Unidos os próprios militantes dos dois principais partidos políticos (Democrata e Republicano) escolhem, por meio de prévias, os candidatos a presidente de seus partidos, o que representa um banho de democracia se comparado ao exemplo brasileiro e uma vitória da vontade popular.

As prévias americanas são boas também para os partidos, até porque, isso é um estímulo aos militantes dos partidos e, militantes estimulados, militantes que se consideram importantes para os partidos, que acham que podem fazer a diferença, tanto estimulam a permanência da militância partidária como também, estimulam novas adesões de pessoas não filiadas.

Só para registrar, aqui no Brasil dizem que a candidatura avulsa impediria a estruturação dos partidos políticos no Brasil, o que é uma grande mentira, nos Estados Unidos existe candidatura avulsa e os partidos (Democrata e Republicano) são muito grandes e muito populares.

No Brasil, os partidos estão a mercê de um ou dois dirigentes partidários que fazem o que querem com os partidos. A militância não influencia em nada as decisões partidárias, só lembram-se da militância quando está na hora das eleições e precisam dela para pedir votos. A única boa exceção é o PT que costuma tomar muitas decisões de acordo com o que os filiados do partido desejam.

Esse fechamento dos partidos políticos ao povo causa grandes distorções no nosso sistema político, como o fato de algumas pessoas fazerem das representações políticas do nosso país verdadeiros “empregos”, onde passam, dez, vinte, trinta anos numa determinada função. O que gera a perpetuação no poder de alguns e impede a entrada de jovens na política, a não ser se esses jovens forem filhos de políticos, esses têm vagas garantidas nos partidos.

Nossos partidos políticos são instituições fechadas ao povo e até, aos filiados, que não respeitam a nossa opinião, e isso ajuda a explicar esse desinteresse da população com a política, além de outros fatores como, corrupção, falta de fidelidade partidária, coligações, que deixam o sistema um pouco confuso, etc.

Por isso, na minha visão, a reforma política teria que contemplar essa questão, teria que prever algumas situações para realização de prévias partidárias, onde os partidos ouviriam os filiados, isso representaria respeito com a opinião do povo, e não como é feito hoje que para ser candidato, simplesmente, só precisa ter o apoio da cúpula partidária.

Vou chegando ao fim, mas queria ticar em outro assunto, a data das eleições no Brasil. Depois de ver o candidato socialista François Hollande vencer as eleições na França e assumir pouco mais de uma semana depois, eu pergunto a vocês: é necessário mesmo haver eleições e se o atual representante perder ainda ficar no cargo por mais três meses, no caso de vitória no primeiro turno? Ou mais de dois meses, caso a vitória seja no segundo turno? Isso é um convite a corrupção!

Na minha visão deveríamos ter eleições nas seguintes datas:
1° turno: no segundo domingo de Novembro.
2° turno: no segundo domingo de dezembro.

Deixaríamos bem menos tempo para práticas não muito republicanas dos candidatos que estão saindo do poder, principalmente no poder executivo (presidente, governadores e prefeitos).

Termino aqui, desejando que os partidos no Brasil ouçam um pouco mais o povo ou continuarão desestimulando as filiações partidárias e, consequentemente uma maior “ajuda” do povo aos partidos. Deixem seus comentários, sugestões, interajam conosco através das redes sociais twitter: @BlogConexSocial, Facebook: Blog Conexão Social e pelo meu twitter pessoal @Rondybarbosa. Uma ótima semana a todos e até a próxima quarta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário