10 de fevereiro de 2012

Cinep e prefeituras selecionam candidatos para vaga na Fiat

Reunião aconteceu na Cinep em João Pessoa.
Foto: Antonio David/Secom-PB

O Governo do Estado, por meio da Companhia de Desenvolvimento da Paraíba (Cinep), definiu, na manhã desta sexta-feira (10), as datas para a execução do processo de pré-seleção de 1,2 mil paraibanos, que serão capacitados profissionalmente, visando vaga na construção da fábrica da Fiat, no município de Goiana, em Pernambuco. O processo será voltado para quatro municípios paraibanos: Alhandra, Caaporã, Pitimbu e Pedras de Fogo. Todos os trâmites da pré-seleção devem ser concluídos até o dia 10 de março. 

As primeiras cidades a realizarem a pré-seleção serão Caaporã e Pedras de Fogo, já no sábado, dia 25 de fevereiro. Alhandra e Pitimbu vão pré-selecionar logo em seguida, no dia 3 de março. Os cursos a serem oferecidos se dividem nas oito funções solicitadas pela empresa, sendo elas: ajudante, armador, carpinteiro, motorista de veículos pesados, motoristas de veículos leves, pedreiro, pintor e servente. 

As definições foram acertadas durante reunião geral da Cinep com representantes do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), as quatro prefeituras dos municípios envolvidos, Sistema Nacional de Emprego na Paraíba (Sine-PB), secretarias de Estado da Educação (SEE) e de Desenvolvimento Humano (Sedh), Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB), e representantes do Sistema S. Esses dois últimos serão responsáveis pela realização dos cursos de capacitação. 

No total, a Fiat deve contratar sete mil pessoas, sendo 800 o número de vagas destinadas à Paraíba. A pré-seleção será estendida a 1,2 mil candidatos, para ficar com uma margem de segurança, caso ocorram desistências, por exemplo. 

Segundo a titular da Sedh, Maria Aparecida Ramos, o problema do Brasil é que nunca o desenvolvimento econômico é aliado ao social. “É importante que a gente garanta a essas pessoas a oportunidade de se colocar no mercado. Para isso, temos que cadastrá-las o quanto antes, pois as entidades que vão oferecer os cursos só poderão entrar nesse processo com as pessoas cadastradas, até para qualificar quem de fato necessita de capacitação”, explicou.

Site do Governo da Paraíba

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário